Monday, November 23, 2015

The Couture Denim Jacket: The sleeves are done and were stitched by hand to the armhole – As mangas estão prontas e foram cosidas à mão à cava


EN Summary: Today I want to share some brief considerations about setting in the sleeves by hand for this jacket. Keep reading for more. 

--- 

PT Sumário: Hoje partilho algumas considerações sobre o processo de coser à mão as mangas às cavas nesta jaqueta em particular. Continuem a ler o artigo completo. 


EN: The jacket is coming along slowly but quite nicely in my opinion. My working weeks have been hectic and weekends filled with family commitments so unfortunately there hasn’t been much time for sewing. This weekend I did manage to complete the second sleeve cuff (click here for a previous blog entry where I show a short video of the first completed cuff – BTW, I’ve received some complaints from a few readers stating they were unable to watch the video; I will post a few detailed photos of the sleeves and cuffs on my upcoming blog entry so none of you misses all the details) and also proceeded with setting in the sleeves by hand. For this task I really recommend Susan Khalje’s Classic French Jacket method, exquisitely demonstrated in her video class (in case you are not able to attend to her workshop in person!). I am using a fabric which is quite different of the traditional tweed or boucle, but the principle still applies. Since my fabric is much more difficult to shrink/ease in, I took off most of the sleeve cap’s ease by taking in at the upper sleeve seam (along with lengthening the sleeve cap height and shortening the shoulder width at the same time, to get that beautiful round shoulder shape). While keeping the jacket’s body on my dress form (don’t forget to take the loose lining fabric out of the way around the armholes) I pinned the sleeves to the armhole at the front and back notches and aligned the sleeve central seam with the shoulder seam (again, the sleeve lining should also be pulled out of the way so it doesn’t get caught by the pinning). I then evenly distributed the little ease remaining on the sleeve cap along the upper part of the armhole (between the notches), as you can see in the photo below: 

---

PT: A jaqueta está a tomar forma lentamente mas muito bem, na minha opinião. As minhas semanas de trabalho têm sido agitadíssimas e os fins de semana preenchidos com vários compromissos familiares, daí tem sobrado pouco tempo para costurar. Apesar de tudo, este fim-de-semana consegui terminar o outro punho que faltava (podem ver clicando aqui um artigo onde publiquei um vídeo a mostrar como ficou o primeiro punho; uma vez que recebi algumas queixas de pessoal que não conseguiu visualizar, no próximo artigo irei também mostrar fotos detalhadas dos punhos), e também comecei a pregar as mangas às cavas, um processo manual para o qual subscrevo inteiramente o método da Susan Khalje, magistralmente explicado no vídeo “Classic French Jacket” (para nós que não temos hipóteses de assistir aos seus workshops em pessoa). Como sabem estou a usar um tecido muito diferente do tradicional boucle ou tweed, mas os princípios são os mesmos. Uma vez que o tecido não se consegue moldar e encolher tão bem (com calor e vapor ou mesmo enquanto se cose à mão), optei por retirar a maioria da folga da cabeça da manga na costura superior desta, ao mesmo tempo que estreitei os ombros e aumentei a altura da cabeça da maga para obter uns bonitos ombros arredondados na jaqueta). Tendo o corpo da jaqueta posto no manequim (o forro solto nas cavas deve ser empurrado para dentro, para não estorvar), prendi as mangas com alfinetes nas marcas de aposição à frente e atrás e na costura do ombro em cima, fazendo coincidir a costura central da manga com a costura do ombro (não esquecer também de afastar o forro das mangas que está solto, para não ficar preso com os alfinetes). Depois fui prendendo com alfinetes ao longo da parte superior da cava (entre as linhas de aposição das mangas), distribuindo a pouca folga que ainda tinha sobrado, como podem ver na foto abaixo:

EN: The armhole seam remains open below the two notches which allows me to insert my hand through and feel with my fingers as I fell-stitch the sleeve cap in place; the fell stitches should stab through all layers except the lining, and this is also easier if we can feel with our fingers inside the armhole. The stitches should be tiny (less or equal to 1/8 inch). Then I proceeded with back-stitching the underarm to the sleeve from the inside, along the underarm thread traced seam. You can hand baste or pin baste this seam first for accuracy. I used waxed double thread for all the hand stitching (fell-stitching and back-stitching). I trimmed off the under-arm (only the under-arm, not the entire armhole allowances) to about ¼ inch and then overcast the trimmed section by hand. The armhole allowances must be faced towards the sleeve but a small area right on top of the sleeve cap can be pressed open for a rounder shoulder effect (this procedure is also explained with considerable detail in Susan’s video class). Next there’s the armhole lining cleaning up to do! More later!

---

PT: A costura da cava permanece aberta por baixo da cava, o que nos permite enfiar a nossa mão por dentro e coser a cabeça da manga à parte superior da cava com pontos invisíveis, enquanto sentimos com os nossos dedos por dentro; devemos coser enfiando a agulha por todas as camadas exceto o forro, que se encontra solto por dentro. Os pontos devem ser curtinhos (cerca de 4 mm ou menos). Depois desta fase virei a jaqueta para o avesso e prossegui cosendo a parte de baixo da cava à com pontos atrás, ao longo da linha de baixo da cava. Esta costura pode ser alinhavada ou sujeitada com alfinetes, para maior precisão. Usei linha dupla na agulha, e antes de coser passei a linha por cera de abelha e depois com o ferro quente, para a cera penetrar na linha. Assim esta fica muito mais forte. Depois da manga cosida à cava, aparei as margens de costura SÓ DA PARTE DE BAIXO DA CAVA para cerca de 8mm e chuleei as margens juntas à mão. As margens ficam assentes na direção da manga em toda a cava exceto uma pequena área no ombro onde as margens são assentes abertas (obtendo assim um ombro mais redondo e suave); este processo também é explicado com todo o detalhe no curso vídeo da Susan Khalje. Agora falta rematar o forro em redor da cava para terminar a inserção da manga. Até breve!

5 comments:

deeps said...

thats a detailed one

Beth (SunnyGal Studio) said...

looking so good.

Andy Du said...

Ficou impecável!

Justine/ Sew Country Chick said...

Beautiful work.

Sew Hopeful said...

Just beautiful work. I am so looking forward to seeing you in this when it is completed.